Marta e Maria, diferentes níveis do conflito

Autores

Palavras-chave:

Conflito

Resumo

O conflito entre Marta e Maria pode representar uma certa provocação aos muitos que, ingenuamente, elogiam o trabalho serviçal, a atividade doméstica e a disposição em servir, por servir, mesmo sem muito pensar.Emmuitos encontros de formação, de grupos paroquiais e outras formas de atividades participativas, não faltam os destaques a quem se dedica a trabalhos na cozinha, na limpeza de banheiros ou na preparação dos ambientes – essas são as “Martas”. Algumas vezes essa se torna uma realidade palpável. No entanto, o encontro de Jesus com Marta e sua irmã Maria revela um nível mais profundo de conflitos que podem ser de natureza cultural, ideológica ou eclesial. Porque Maria escolheu a melhor parte? Servir não é importante? Quem está, culturalmente, no lugar de Marta? Maria, a quem representa? 

Biografia do Autor

Isidoro Mazzarolo, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro

Pós-doutor pela École Biblique et Archéologique Française de Jerusalém. Doutor em Textos seletos dos Evangelhos Sinóticos pela Pontifícia Universidade Católica - Rio de Janeiro, Mestre em Exegese do Antigo Testamento - Pontifício Instituto Bíblico de Roma, Bacharel em Teologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. 

Downloads

Publicado

15/11/2021

Como Citar

MAZZAROLO, I. . Marta e Maria, diferentes níveis do conflito. Estudos Bíblicos, São Paulo, v. 28, n. 109, p. 53–60, 2021. Disponível em: https://revista.abib.org.br/EB/article/view/411. Acesso em: 27 nov. 2022.

Artigos Semelhantes

1 2 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>