Sacrifícios e o Dia das Expiações em Levítico Religião, economia e poder!

Autores

  • Jacir de Freitas Faria Instituto Santo Tomás de Aquino, Brasil

Palavras-chave:

sagrado, puro-impuro, profano, sacrifícios, expiação, sumo sacerdote

Resumo

Neste ensaio procuramos demonstrar a importância dos sacrifícios e do Dia da Expiação no livro do Levítico, bem como a relação deles com o judaísmo do pós-exílio, que se firmou baseado na economia e no poder de um projeto litúrgico excludente. Os sacerdotes, revestidos de poder e pureza, entravam em contato com o Sagrado, força terrível que, irada por causa do contato com a impureza do povo, podia matar. O sumo sacerdote, considerado puríssimo, uma vez por ano, no dia das expiações, estava em contato direto com Javé e era poupado. O Dia da Expiação, colocado no centro da segunda parte do livro, é a condensação de todos os ritos anteriores, possibilitando o restabelecimento do estado de graça, perdido com o rompimento da Aliança. Desse modo, a classe sacerdotal passa a viver das ofertas levadas ao Templo, as quais são frutos da impureza do povo, que devem ser curadas com a pureza ritual.

Biografia do Autor

Jacir de Freitas Faria, Instituto Santo Tomás de Aquino, Brasil

Mestre em Exegese Bíblica (Pontifício Instituto Bíblico, Roma), doutorando em Teologia na Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia. Reitor e professor de Exegese Bíblica no Instituto Santo Tomás de Aquino – ISTA, em Belo Horizonte. Membro efetivo da cadeira número 20 da Academia Divinopolitana de Letras. Padre e frade franciscano.

Referências

CIMOSA, Mario. Levítico e Números [Tradução: Luiz João Gaio]. São Paulo: Edições Paulinas, 1984.

FARIA, Jacir de Freitas. As mais belas e eternas histórias de nossas origens em Gn 1–11: Mitos e contramitos. Petrópolis: Vozes, 2015.

GALLAZZI, Sandro. A teocracia sadocita: sua história e ideologia. Macapá: Instituto Metodista de Ensino Superior, 2002 (Tese de Doutorado).

GIRARD, René. A violência e o Sagrado. 2. ed. São Paulo: Paz e Terra, 1998.

MIGROM, Jacob. Leviticus: a continental commentary. Augsber: Fortress, 2004.

OTTO, Rudolf. O Sagrado: os aspectos irracionais na noção do divino e sua relação com o racional. São Leopoldo: Sinodal/EST; Petrópolis: Vozes, 2007.

PADEN, E. Willian. Interpretando o sagrado: modos de conceber a religião. São Paulo: Paulinas, 2001.

PLEIN, Ina Wili. Sacrifício e culto no Israel do Antigo Testamento. São Paulo: Loyola, 2001.

SACCHI, Paolo. Sagrado/Profano Impuro/Puro: na Bíblia e nos arredores. Aparecida: Santuário, 2013.

STORNIOLO, Ivo. O Livro do Levítico: formação de um povo santo. São Paulo: Paulus, 1995.

WATTS, W. James. Ritual and Rhetoric in Leviticus: from sacrifice to Scripture. Cambridge University Press, 2012.

Downloads

Publicado

10/10/2021

Como Citar

FARIA, J. de F. Sacrifícios e o Dia das Expiações em Levítico Religião, economia e poder!. Estudos Bíblicos, São Paulo, v. 33, n. 129, p. 58–70, 2021. Disponível em: https://revista.abib.org.br/EB/article/view/140. Acesso em: 27 maio. 2024.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)